terça-feira, 8 de abril de 2008

Gente


Tem gente que tem vergonha das origens...
Vergonha de ser quem é...
Tem gente que ama, odeia...
Tem gente que vive incondicionalmente...
Tem gente que nem vive...
Tem gente que esquece...
Tem gente que se lembra...
Enquanto houver sol...
Enquanto meu coração bater eu vou ouvir sua voz em minha alma
Iaiazinha...
Lamentavelmente todas as pessoas passarão por isso, e eu simplesmente alerto...
A cada vez que deixei de ir a uma balada pra ficar contigo no sofa!
Cada dia que te entreguei o café na cama, a toalha na mão, o pente...
Quando tirava seus sapatos dos pés...
Cada chá que fiz...
Meu amor, é, foi e sempre será incondicionalmente único...

Com vc, não discuto ética, conduta apenas te respeito...
Pela memória...
Um dia nós vamos nos encontrar novamente nego...
Eu te amo.

2 comentários:

Anônimo disse...

See Please Here

Anônimo disse...

See Please Here